Atividades físicas para gestantes

 http://bossamae.com.br/novo/wp-content/uploads/2014/10/atividades-f%C3%ADsicas-para-gestantes.jpg

Atividades físicas são muito recomendadas para as gestantes, porque traz vantagens tanto para o bebê quanto para a mãe. Se a mulher já faz exercício físico, como correr, por exemplo, é um mito que deve parar de fazer essa atividade. Na verdade, ela deve reduzir entrando num ritmo adequado para sua nova situação. E se não faz nenhum exercício físico

Vamos a algumas atividades que podem ser praticadas. 


Caminhada - Caminhar é o exercício ideal para mulheres que eram sedentárias antes da gravidez. Andar ajuda a melhorar o sistema cardiovascular da gestante, disse ele.

Natação - Os esportes aquáticos propiciam conforto às grávidas, com mais de seis meses de gestação, por causa da barriga. Diante de autorização médica, a mulher pode praticar natação sem qualquer risco para o bebê.

Hidroginástica - A hidroginástica é a atividade preferida das gestantes. Por ser dentro da água, elas cansam menos, não há sobrecarga nos pés e melhora as dores na coluna.

Musculação - Se a mulher já frequentava a academia, não precisa parar, mas deve diminuir as cargas dos exercícios para evitar a pressão abdominal. A musculação não provoca o aborto. O profissional que acompanhar o treino da gestante vai passar exercícios que comprimam a barriga ou forcem a curvatura da coluna da mulher. O ideal é que ela faça em uma intensidade que consiga conversar normalmente durante a prática, sem travar a respiração.

Pilates - O pilates não é melhor nem pior para as gestantes dos que os demais exercícios físicos. O que o difere é o fato de ser individual, pois assim a mulher tem um acompanhamento mais detalhado e exclusivo do profissional.

Correr - A mulher que já corria antes de engravidar pode continuar com os exercícios durante a gestação. A diminuição de intensidade vai ocorrer naturalmente, conforme o crescimento da barriga e aumento do peso da grávida. É importante manter o controle da temperatura corporal, a partir do suor - se ele for excessivo significa que a o corpo está demasiado quente e o calor é transmitido ao bebê.

Andar de bicicleta - A atividade não prejudica a gestação, no entanto, a partir de determinado mês, a barriga vai impedir que a mulher pedale com conforto. Outro ponto levantado por Araújo é o risco de queda e acidentes. No entanto, se for uma bicicleta ergométrica não há qualquer risco.

Step - As aulas de step nas academias podem ser frequentadas por grávidas. Porém,  steps muito altos não são indicados para as gestantes. O exercício não aumenta risco de aborto, mas a execução dos passos pode ficar difícil conforme o passar dos meses.

Jump - As atividades sobre a pequena cama elástica estão liberadas, no entanto, com uma restrição. Em vez dos altos saltos, a recomendação é que as grávidas não tirem o pé da cama. Elas podem fazer os movimentos, mas sem saltar. As camas elásticas com corrimão de apoio são mais indicadas para a prática de jump por grávidas.

Yoga - As atividades de origem oriental têm vantagens para as gestantes. A melhora do controle respiratório e postura estão entre elas. As posições da yoga ajudam no estímulo muscular e melhoram as dores na coluna das mulheres grávidas, disse o também educador físico.

Publicao em 22/11/11 e revisada em 25/07/17

0 comentários:

Treinamento Funcional para quem fez cirurgia bariátrica




O treinamento funcional tem como princípio preparar o organismo de maneira íntegra, segura e eficiente através do centro corporal, chamado nesse método por CORE.

O atendimento deve ser personalizado e não há contraindicação absoluta, nem limite de idade. Pode ser feito por crianças, para melhora do desenvolvimento motor; adultos saudáveis ou com alguma limitação física, para reabilitação ou manutenção da qualidade de vida; e também idosos, para melhora da coordenação, equilíbrio e força muscular. Os exercícios são realizados com o peso do próprio corpo aliado a aparelhos que geram instabilidade e estimulam a estabilidade articular e o equilíbrio muscular. Sendo que todo o corpo é trabalhado, pois os exercícios são multiarticulares – que envolvem mais de uma articulação e estimulam grupos de músculos.

Para os pacientes que realizaram a cirurgia bariátrica normalmente estão com os movimentos limitados, o programa ajudará a devolver a funcionalidade do corpo à medida que emagrecem.

Entre os benefícios do programa está aliar exercícios aeróbico e anaeróbico com movimentos do dia a dia ou de alguma prática esportiva a gosto do aluno. E especificamente para a criança e o jovem, aquisição de habilidades psicomotoras; e para o idoso, melhora das capacidades funcional e cardiovascular. Já para as gestantes e pessoas com sobrepeso, diminui o inchaço do corpo, relaxa e diminui as dores nas pernas e nas costas.

O Treinamento Funcional é uma ótima pedida para quem fez a cirurgia bariátria e quer se exercitar.

Conheça esse guia que traz 200 exercícios de treinamento funcional e ensina como montar um treino. Não perca!


0 comentários: