Exercícios de alta intensidade na terceira idade podem prevenir lesões



O aumento da velocidade, da carga e o gasto calórico envolvido são os fatores que determinam os exercícios de alta intensidade. A sobrecarga neste tipo de atividade irá dar mais facilidade para as pessoas de terceira idade executarem as atividades simples do dia a dia. 

Mas para iniciar este tipo de tratamento, é necessário uma preparação específica pois é  importante aprender o movimento, realizar o movimento com técnica, para depois disso poder aumentar a carga, e por consequência, a intensidade dos exercícios.

A prática deste tipo de exercício pode ser muito importante para pessoas de terceira idade. Além de melhorar o desempenho, pode também prevenir lesões e algumas doenças. O auxílio de um profissional é essencial. porque com o passar dos anos você adquiri doenças e limitações como a osteoporose, e a atividade em uma intensidade ideal com impacto moderado, ela melhora este tipo de prevenção. Mas é importantíssimo fazer essa atividade com a supervisão de um profissional de educação física.

0 comentários:

Homens sedentários são mais propensos a sofrer de impotência sexual




O sedentarismo aumenta o risco para desenvolvimento de hipertensão arterial sistêmica, aumento de colesterol e triglicérides.  Estes fatores favorecem o surgimento de doenças cardiovasculares, que por sua vez comprometem a irrigação do corpo cavernoso, prejudicando a ereção peniana e consequente desempenho sexual.

Além do sedentarismo o tabagismo é um fator de risco.

No Brasil, 25 milhões de homens acima dos 18 anos já apresentaram disfunção erétil pelo menos uma vez na vida. Na faixa dos 40 anos, mais de 40% tem seu desempenho sexual comprometido por dificuldade de ereção.  O tratamento da disfunção sexual masculina, dependendo do fator de origem, inclui psicoterapia de apoio, medicamentos e em casos mais graves, implantação de prótese peniana.

0 comentários: