Esporte com Saúde na Bronquite Crônica









Acho que não há dúvidas que a prática do esporte/atividade física/exercícios contribui para a melhora de qualidade de vida da pessoa. Isso inclui as pessoas que sofrem de alguma doença respiratória, como a bronquite. A Bronquite é uma inflamação dos brônquios, canais que conduzem o ar inalado até os alvéolos pulmonares. hà uma dificuldade maior de respirar e o exercício físico, por provocar a expansão pulmonar pode ajudar nesse processo.


Mesmo tendo algumas limitações fisiológicas, a pessoa não deve se afastar das atividades físicas. Quando o corpo de uma pessoa que tem doenças pulmonares crônicas se acostuma com a carga de exercício, ele passa a utilizar melhor o oxigênio, a respirar com mais facilidade devido ao fortalecimento dos músculos responsáveis pela respiração. Além disso, mexer o corpo ainda aumenta a circulação do sangue, fortalece o coração e diminui a pressão sanguínea.

Todas as pessoas que querem começar a fazer uma atividade física devem procurar um especialista para fazer uma avaliação médica. Esse procedimento potencializa o treino, já que o tipo específico de exercício é escolhido para cada indivíduo, levando em conta todas as suas limitações.

Para quem tem bronquite crônica, é importante tomar algumas precauções com o objetivo de evitar desconfortos ou acidentes: não fazer exercícios sozinho em áreas isoladas como trilhas e parques florestais, não exercitar-se fora de casa quando o a temperatura está muito elevada ou quando o clima está muito seco e não aumentar a carga do exercício sem antes consultar o preparador físico. 

A natação é uma das alternativas mais indicadas por médicos para ajudar na recuperação ou para o tratamento de problemas pulmonares crônicos. Ela ajuda a aumentar a entrada de ar nas vias respiratórias por causa da maior umidade relativa do ar. Além disso, a água funciona como um vasodilatador, que facilita a circulação sanguínea e o trabalho do coração.

A caminhada, corrida leve e esportes que utilizam esses mecanismos também são muito indicadas pelos médicos para quem sofre com problemas respiratórios. É um exercício muito fácil de adaptar para cada situação, e é muito eficiente no controle da obesidade, colesterol, diabetes e da hipertensão.

A natação, a caminhada e corrida são exercícios que beneficiam o condicionamento físico, o que  facilitam a prática de esportes do que pessoas sadias que não tem o hábito de caminhar ou correr. 

Dois exercícios para se fazer no aquecimento:

- Relaxe o pescoço e os músculos dos ombros e depois inspirar pelo nariz e expirar pela boca.

- Deite com as costas no chão, flexione as pernas, coloque uma mão na barriga e outra em cima da caixa torácica e depois inspirar profundamente. Para o exercício fazer efeito, a barriga deve se levantar, mas o peitoral deve continuar parado.

Esses exercícios devem ser executados em cinco a dez minutos.

É importante salientar que, durante o treino, sintomas como dores no peito, enjoo, fraqueza e queda brusca de pressão são sinais de que a pessoa deve parar imediatamente.

COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários: