Aeróbica pode prevenir danos ao cérebro de quem bebe em excesso








  Atletas fazem caminhada. Pesquisa associa aeróbica à saúde do cérebro de quem consome muito álcool  Foto: Márcia Foletto 17/03/2010

Atletas fazem caminhada. Pesquisa associa aeróbica à saúde do cérebro de quem consome muito álcool 

O exercício aeróbico pode ajudar a prevenir e, talvez, reverter alguns dos danos do cérebro associados com o consumo excessivo de álcool, de acordo com um novo estudo da Universidade de Colorado.

Os resultados do estudo indicaram que o exercício aeróbico regular, como caminhar, correr ou andar de bicicleta, está associado com um menor dano à massa branca do cérebro entre usuários abusivos de álcool. A massa branca, com a matéria cinzenta, são os dois principais componentes físicos do órgão.

Substância branca é composta por feixes de células nervosas que atuam como linhas de transmissão para facilitar a comunicação entre as várias partes do cérebro, disse o autor principal do estudo, Hollis Karoly, doutorando em psicologia e neurociência na Universidade de Colorado, no campus de Boulder.

- Descobrimos que, para as pessoas que bebem muito e faziam muito exercício físico, não havia uma forte relação entre álcool e substância branca - disse Karoly. - Mas para as pessoas que bebem muito e não fazem exercício, nosso estudo mostrou a integridade da substância branca ficou comprometida em várias áreas do cérebro. Basicamente, isso significa que a substância branca não está enviando mensagens entre áreas do cérebro de forma tão eficiente como seria normalmente.

O grupo de voluntários tinha 60 pessoas, 37 homens e 23 mulheres, que iam desde os bebedores moderados a consumidores abusivos de álcool, escolhidos depois de uma triagem para um estudo sobre problemas relacionados ao álcool e à nicotina.


COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários: