Plataforma vibratória previne lesões e reabilita








A falta de tempo é um dos grandes problemas da modernidade e, por isso, muitas pessoas estão sempre adiando a prática de exercícios físicos. E justamente para atender às necessidades desse tipo de público, que se preocupa com a saúde e tem pouco tempo, mas não quer fazer grandes sacrifícios para manter a forma física, foi desenvolvida uma tecnologia aplicável através de plataformas vibratórias.

Segundo o fisioterapeuta Reinaldo Custódio de Oliveira Júnior, trata-se de uma plataforma que transmite vibrações mecânicas ao corpo, auxiliando no fortalecimento dos músculos, na melhora do fluxo sanguíneo, redução da celulite, prevenção do processo de degeneração óssea que leva à osteoporose, além de atuar no emagrecimento, reduzindo o estresse.

"A pele também é agraciada pelos efeitos da vibração, com o aumento de produção de colágeno, deixando-a mais firme, bonita e rejuvenescida. A estrutura óssea se reforça, o tônus muscular aumenta e a produção hormonal é estimulada", afirma.

O equipamento pode ser utilizado por atletas, desportistas de fim de semana, pessoas idosas, obesas, pacientes com Alzheimer e Parkinson. As aplicações atuam, ainda, na reabilitação pós-cirúrgica, recuperação de lesões esportivas, no pré-operatório, na drenagem linfática, no pós-parto e tratamento contra a esclerose múltipla, com o acompanhamento necessário. "A plataforma vibratória não só ajuda na prevenção de lesões, como auxilia na reabilitação. As vibrações possibilitam o alongamento, aumento de massa e força dos músculos, sem sobrecarregar as articulações e ligamentos.

O aumento da circulação sanguínea favorece a melhora das áreas inflamadas, enquanto o fluxo linfático ajuda na drenagem de fluidos acumulados na lesão", explica o fisioterapeuta. As sessões duram, em média, 30 minutos e podem ser feitas todos os dias, de acordo com o condicionamento físico e do objetivo a ser atingido.

Em poucos dias é possível perceber resultados significativos, sem que haja o inconveniente de frequentar movimentadas academias. Força física ou de vontade também não são requisitos essenciais, pois é a estimulação mecânica criada pela máquina que potencializa o exercício.

Retirei daqui

COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários: