As traumas desportivas mais frequentes do ombro








1 Luxação anterior do ombro
Resulta duma queda com o braço ou cotovelo em hiper-extensão. No caso de tratamento inadequado, pode levar a luxações repetidas. Após a sua redução, deve evitar lesões adicionais, mantendo o ombro em posição de redução.


2 Tendinites traumáticas dos músculos rotadores do ombro
As rotações violentas e repetidas do úmero, o que provoca bursite subacromial e tendinite dos músculos rotadores do ombro. Além disso, existe também o tipo crônico causado pelo tratamento inadequado duma trauma. O principais sintomas incluem dor do ombro, limitação dos movimentos, contratura e atrofia muscular. Os doentes crônicos executar treinos de fortalecimento do músculo deltóide, sob condição de os mesmos não provoquem queixas dolorosas.


3 Tenosinovite da porção longa do músculo biceps
Causado por rotação excessiva e repetida ou por extensão súbita do ombro. Quanto ao tipo agudo, a dor pode estender-se ao músculo deltóide, limitando os movimentos da articulação. Quanto ao tipo crónico (0veruse), o doente queixa-se da dor no músculo deltóide e dor relacionada com elevação e extensão do braço. Na ausência de tratamento, pode alastrar para situações crônicas.


COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários: